Simples Agenda Blog para pequenas empresas

Conheça as perguntas para ficha de anamnese

CLÍNICAS E CONSULTÓRIOS

Redator Simples Agenda
14 min leitura 25/02/2021

Durante o exame clínico, é preciso ouvir o paciente com atenção e fazer as perguntas certas. Para conduzir a conversa de maneira adequada e não se esquecer de nada, a maioria dos profissionais utilizam modelos de perguntas para ficha de anamnese.


Essas perguntas objetivam auxiliar o profissional na construção do diagnóstico e escolha do tratamento. Além disso, a anamnese é fundamental para a preservação da saúde e garantia do cuidado com o paciente.


Mas, afinal, quais são as perguntas para ficha de anamnese? Neste conteúdo separamos as principais perguntas para ficha de anamnese, assim como, várias outras dicas sobre o assunto. Acompanhe.

O que é ficha anamnese e quando usá-la?

Basicamente, a ficha anamnese é a primeira etapa do exame clínico do paciente e é insubstituível. Ela funciona como uma entrevista, na qual o profissional da saúde direciona uma série de perguntas para o paciente, objetivando conhecer mais sobre sua saúde e hábitos.


De acordo com as respostas, o profissional avalia o quadro clínico do indivíduo e suspeita de doenças que são associadas aos sinais e sintomas descritos. A próxima e última etapa do exame clínico é o exame físico. Se necessário, o médico solicita exames complementares.


Depois de todas essas etapas, o profissional da saúde será capaz de construir a base do diagnóstico e escolha do tratamento. Nesse contexto, fica fácil de entender a importância da ficha anamnese, principalmente, na segurança e cuidado do paciente. 

Técnicas para realizar uma boa anamnese

Existem duas técnicas principais para conduzir a anamnese. A primeira delas funciona como um interrogatório, de forma que o profissional da saúde conduz as perguntas durante o exame clínico. 


A segunda acontece quando o paciente consegue relatar com as próprias palavras seus sintomas, sinais e angústias. Normalmente, essas duas técnicas estão presentes durante a consulta e se completam. 


Além disso, para realizar uma anamnese adequada, o examinador deve ter conhecimentos básicos sobre diversas doenças, ter bom senso e respeito com o paciente, observar o comportamento do indivíduo, além de ter critério e discernimento.

Quais são as etapas da ficha anamnese?

A anamnese em si é composta por seis partes que possuem objetivos diferentes. Sendo elas: identificação, Queixa Principal, História da doença atual, História Patológica Pregressa, História Familiar e História Social.


Ao padronizar e organizar a sua anamnese de acordo com essas etapas você permitirá que outros profissionais, que também cuidarão desse paciente, consigam compreender a sua anamnese. Além disso, organizar as informações auxilia em uma anamnese mais assertiva.

Quais as perguntas de uma anamnese?

Agora que já entendemos quais são as etapas da ficha anamnese, vamos falar um pouco mais sobre cada uma delas e descobrir quais perguntas fazer. Acompanhe.

  1. Identificação

Nessa etapa, devem ser realizadas perguntas pessoais para identificação do indivíduo. Por exemplo: nome, data de nascimento, sexo ou gênero, naturalidade, cor, endereço, estado civil, profissão, entre outras informações.


Essas perguntas são importantes para que seja possível organizar os prontuários, assim como, para que o profissional conheça melhor o paciente. A etapa de identificação pode ser realizada, inclusive, por outro funcionário antes da consulta. 

  1. Queixa Principal

Como o próprio nome já diz, a queixa principal é o motivo que levou o paciente até o consultório ou clínica. A queixa pode estar relacionada com algum sintoma ou indício fora da normalidade ou com a evolução insatisfatória de algum tratamento.


O paciente também pode procurar o médico apenas para uma consulta de rotina. Portanto, essa pergunta para ficha anamnese todo mundo já ouviu: "O que te trouxe aqui hoje?" ou "O que posso fazer por você?" O ideal é que a resposta seja registrada com as palavras do próprio paciente. 

  1. História da doença atual

Este momento é usado para investigar mais sobre o problema atual do paciente. Nesse contexto, é muito comum que o profissional da saúde realize perguntas como: "e quando isso começou?", "onde começou?" e "como começou?".


Assim, é possível entender qual foi o início e o desenvolvimento da doença com o tempo, assim como, se afetou outras partes do organismo. A História da doença atual é uma das etapas mais importantes da anamnese, portanto, se preocupe em descrever bem a doença e em estimular o paciente a falar.

  1.  História Patológica Pregressa

As perguntas para ficha de anamnese dessa etapa visam descobrir todas as doenças de caráter sistêmico contraídas pelo paciente desde o nascimento até o dia do atendimento. Além disso, você deve se atentar para informações importantes que não foram descobertas no passado.


Sendo assim, cabem perguntas como: "você já teve alguma doença na infância?", "já teve alguma fratura?", "Você realizou alguma cirurgia?" "Faz uso de algum medicamento? Se sim, quais?".


Essa etapa é importante para evitar que o novo tratamento comprometa o atual quadro clínico do indivíduo, além de possibilitar a descoberta de comorbidades relacionadas com a doença atual, identificar alergias e evitar interação medicamentosa.

  1. História Familiar

As perguntas para ficha anamnese relacionadas com histórico familiar visam entender mais sobre possíveis heranças genéticas. Portanto, obtenha informações sobre doenças, principalmente, dos familiares de primeiro grau. 


Por exemplo, diabetes, hipertensão, doenças cardiovasculares, tuberculose, distúrbios hemorrágicos e neoplasias são doenças muito associadas a fatores genéticos, ou seja, hereditariedade.

  1. História Social

Por fim, cabe ao examinador entender mais sobre os atuais hábitos do paciente e como isso tem impactado no atual quadro clínico. Os dados são importantes para a elaboração do diagnóstico e desenvolvimento do prognóstico. 


Algumas perguntas usuais são: "você fuma?" e "Faz ingestão de bebidas alcoólicas?". Esses e outros hábitos nocivos à saúde devem ser minuciosamente investigados, por exemplo, "com qual frequência?" e "em qual quantidade?".


Investigue também sobre a quantidade de água que o paciente ingere e como são os hábitos alimentares. Em casos de epidemias, perguntas como "fez alguma viagem recente?" também são válidas.

Modelo de ficha anamnese

Como vimos, determinar as perguntas para ficha anamnese não é uma missão fácil. Por isso, muitos profissionais da saúde e estética contam com modelo de ficha anamnese para auxiliar durante a consulta. 


Além disso, vale contar com a tecnologia, por isso, os profissionais têm optado por softwares que ofereçam facilidade e praticidade na hora de montar a ficha anamnese. Nesse contexto, a principal escolha são os softwares com modelo de ficha anamnese. 


Dentre outras funcionalidades, eles disponibilizam modelos e garantem automação na hora de montar a ficha. Enquanto o paciente responde as perguntas, você poderá digitar todos os dados dentro do software rapidamente. 


As informações são salvas na nuvem e podem ser facilmente acessadas quando necessário. Como resultado, todos os dados do paciente ficam centralizados em um único lugar.


Pensando nisso, o Simples Agenda disponibiliza um software com modelos e ficha de anamneses completo, intuitivo e fácil de usar. Tudo é pensado para facilitar a sua rotina e o contato com o seu paciente. Conheça mais sobre essas e outras funcionalidades do sistema.


Ah! O teste é grátis por 35 dias sem compromisso.