Simples Agenda Blog para pequenas empresas

Relatórios gerenciais: o que são e como usá-los

GESTÃO EMPRESARIAL

Redator Simples Agenda
13 min leitura 06/07/2021

Administrar uma empresa é um desafio e tanto, não é mesmo?! Mas não é impossível, já que podemos contar com o auxílio de diversas ferramentas, técnicas e estratégias que podem tornar tudo mais fácil, como os relatórios gerenciais.

Com eles é possível tomar decisões mais precisas baseadas em dados para garantir o sucesso do seu negócio. Mas o que são relatórios gerenciais exatamente? Como usá-los para tomar decisões importantes? 

E como eles impactam nos resultados da empresa?

É isso que você vai descobrir no conteúdo hoje. Nele, vamos explorar o conceito de relatórios gerenciais, apresentar os principais tipos, mostrar sua importância para as empresas e mostrar como tomar decisões baseadas nesse documento. 

Além de apresentar a melhor plataforma de gestão que oferece relatórios gerenciais. Vamos lá?

O que são relatórios gerenciais?

Os relatórios gerenciais são documentos que apresentam dados e informações atualizadas e confiáveis sobre áreas estratégicas da empresa. Ele é um guia para gestores e líderes na tomada de decisões e planejamento de ações. 

Como eles são capazes de guiar o futuro de um negócio é importante definir um objetivo para o relatório, como monitorar os gastos da empresa ou verificar a performance da equipe de vendas. 

Mas, na maioria das vezes, os relatórios gerenciais são focados na parte financeira.

A partir daí, é importante definir quais são as informações mais relevantes que devem conter nos relatórios já que o excesso de informações pode atrasar a tomada de decisão. 

Agora que você já sabe o que são relatórios gerenciais vamos descobrir, a seguir, quais são os principais tipos. 

Quais são os tipos de relatórios gerenciais?

Há relatórios específicos para cada tipo de objetivo, por isso, veja a seguir, quais são os principais tipos de relatórios gerenciais:

Relatório financeiro

Os relatórios financeiros são utilizados para ter um controle das finanças mais eficiente. Com ele, você acompanha toda a movimentação que afeta o seu caixa, como fluxo de caixa, vendas, contas a pagar, contas a receber, balanço patrimonial e demonstração do resultado dos exercícios.

Relatório de controle

Os relatórios de controle abordam aspectos internos do seu negócio que impactam o funcionamento do seu negócio e o atendimento ao cliente. Eles podem ser referentes ao seu estoque, insumos, mão de obra e, até mesmo, a qualidade dos produtos/serviços oferecidos. 

Relatório de satisfação

Os relatórios de satisfação permitem analisar tanto a satisfação dos clientes quanto dos colaboradores. Isso é fundamental para detectar possíveis problemas no atendimento ao cliente bem como o quão contente os funcionários estão com as políticas da empresa para saber como motivar os colaboradores

Relatório de desempenho

Os relatórios de desempenho apresentam informações referentes ao crescimento da empresa em um determinado período de tempo. Assim sendo, eles podem apontar o número de vendas/ atendimentos, número de clientes/ pacientes, ticket médio e patrimônio da empresa. 

Por que usar relatórios gerenciais?

Ainda tem dúvidas do quão os relatórios gerenciais são para o seu negócio? Então, confira algumas boas razões para adotar essas estratégia hoje mesmo:

Decisões mais assertivas

Toda empresa precisa tomar boas decisões para alcançar o sucesso, por mais difícil que isso pareça. Ainda mais quando não se tem informações suficientes para isso. Mas os relatórios gerenciais oferecem dados que permitem tomar decisões mais assertivas. 

Informações atualizadas e estruturadas

Os relatórios gerenciais, geralmente, estão vinculados a um sistema de gestão integrado, garantindo, assim, dados sempre atualizados de diversos setores. Com eles são padronizados, é possível visualizar e entender mais facilmente as informações.

Visão completa sobre o negócio

Como as informações são integradas e permitem acompanhar o progresso de cada departamento, o gestor e sua equipe podem ter uma visão completa e realista do seu negócio, o que permite saber qual é a real situação. Para, assim, criar ações para crescer.

Como tomar decisões com base nos relatórios gerenciais?

Além de ter bons relatórios gerenciais é importante também saber como utilizá-los para tomar decisões. Mas como? Os relatórios financeiros, como o relatório de DRE, podem mostrar a saúde financeira da empresa, ou seja, se ela está tendo lucro ou prejuízo.

Como ele detalha cada item dá para saber onde você está gastando mais. E, assim, rever esses gastos. Já os relatórios de fluxo de caixa possibilitam a previsão de gastos e entradas para garantir o cumprimento das obrigações financeiras, por exemplo.

Os relatórios de controle permitem avaliar a performance dos colaboradores para avaliar a necessidade de contratação e demissão. Enquanto que os relatórios de controle de estoque contam com informações importantes sobre o histórico de produtos em estoque. 

A partir delas é possível saber quais são os que têm maior rotatividade para fazer previsões de compras futuras. Além de saber quais produtos têm ficado parados no estoque, representando prejuízo. Nesse caso, o ideal seria fazer uma promoção para não perder o produto por causa de prazo de validade ou avaria.

Já os relatórios de satisfação podem ser usados para avaliar possíveis problemas no atendimento ao cliente. Por exemplo, marcações duplicadas na agenda que poderiam facilmente ser evitadas com um sistema de agendamento online ao invés de agendamento por telefone.

Relatórios gerenciais no Simples Agenda: veja como funciona

Muitos empreendedores utilizam um software de gestão profissional de relatórios gerenciais, como o Simples Agenda. Pois ele permite geração de vários tipos de relatórios gerenciais essenciais para qualquer negócio que deseja crescer de forma saudável e estruturada.

O Simples Agenda é uma plataforma completa e 100% online. E em poucos cliques você tem acesso a várias funcionalidades que geram automaticamente relatórios gerenciais com base nas informações lançadas para que você tome decisões baseadas em dados confiáveis e atualizados.

Conheça nossas principais funcionalidades:

  • agenda online;

  • agenda eletrônica;

  • cadastro de clientes;

  • cadastro de fornecedores;

  • cadastro de produtos/serviços;

  • contas a pagar;

  • contas a receber;

  • fluxo de caixa;

  • emissão de boletos e carnês de pagamento;

  • controle de vendas;

  • controle de compras;

  • emissão de NFS-e;

  • gestão de contrato;

  • muito mais.

Os relatórios gerenciais podem ser a solução que faltava para o seu negócio. E aí, quer testar um software de gestão que emite relatórios gerenciais para otimizar os processos da sua empresa? 

Experimente agora mesmo o Simples Agenda! O teste grátis é gratuito por 35 dias. 

Aproveite também para conhecer nossa funcionalidade: o programa de controle financeiro!